Goldberg gostaria de ser o oponente de Sting na sua luta de aposentadoria na AEW

Último combate de Sring está agendado para acontecer no AEW Revolution, em fevereiro de 2024.

Goldberg já afirmou diversas vezes que é muito grato a Sting, apontando-o como uma das pessoas que mais o ajudou em sua carreira como lutador profissional. Ambos dividiam academia e vestiário na WCW, empresa onde Goldberg começou a forjar sua lenda.

Goldberg e Sting se enfrentaram em diversas ocasiões durante sua passagem pela WCW, com a última luta ocorrendo há mais de vinte anos. Agora, ambos já pensam na aposentadoria, com “The Icon” pronto para pendurar as botas no AEW Revolution, em fevereiro de 2024. De momento não se sabe quem será o seu último adversário, embora tudo indique que não será Goldberg, apesar de ter sido ele quem propôs a ideia, conforme revelado numa recente aparição no podcast Steve & Captain Evil.

“Sting é a razão pela qual entrei no negócio. Sting deu um grande exemplo. Ele está prestes a se aposentar. Tentei fazer parte de sua luta de aposentadoria. Eu não teria escolhido entrar no mundo do wrestling profissional se não fosse por Sting. Ele era um cara normal que saía e fazia coisas anormais. Gosto muito dele, tenho muito respeito, mas depois de vê-lo atuar, percebi que ele tinha a capacidade de fazer isso. Ele não era apenas um artista. Ele se respeitava e impunha respeito. Ele é um dos melhores seres humanos do mundo e ele foi um exemplo para mim. Tive o melhor momento da minha vida no ringue com Sting.”

ABRIR COMENTÁRIOS