Comentários de CM Punk teriam sido arquitetados semanas antes do All Out

O mundo do Pro Wrestling está de olho na All Elite Wrestling. A jovem empresa está no meio de seu maior drama desde sua criação em janeiro de 2019, que gira em torno dos cofundadores Kenny Omega e Young Bucks, e da estrela CM Punk. Depois que o AEW All Out saiu do ar, o presidente da AEW, Tony Khan, realizou a coletiva de imprensa pós-show.

Esta, agora infame coletiva de imprensa, começou com o então AEW World Champion CM Punk, que antes de receber qualquer pergunta, aproveitou a oportunidade para criticar o ex-amigo Colt Cabana e o rival “Hangman” Adam Page, enquanto também menosprezava as habilidades de liderança de Omega e os Bucks.

Embora as coletivas anteriores da AEW tenham misturado realidade com storyline, os comentários de Punk neste caso não foram repassados a ninguém e foram totalmente improvisados.

De acordo com Dave Meltzer por meio do Wrestling Observer Newsletter, Punk fez alusão a coletiva do All Out semanas antes de realiza-a de fato. O que indica que ele já planejava jogar tudo no ventilador.

“Uma pessoa notou que Punk duas semanas atrás, quando voltou, disse que a entrevista coletiva após o PPV seria interessante”, escreveu Meltzer. “Ficou muito claro que foi planejado porque foi muito praticado e tudo mais.”

A briga nos bastidores está sendo investigada por uma empresa independente contratada pela AEW. Isso envolverá entrevistas em vídeo com todos os envolvidos, incluindo partes neutras que não participaram da briga.

ABRIR COMENTÁRIOS