WWE Friday Night SmackDown (05/07/2024) – Cobertura e resultados!

Na noite desta sexta-feira a FOX transmitirá mais um episódio ao vivo do Friday Night SmackDown, direto da Scotiabank Arena em Toronto, Ontario, no Canadá.

Um dos grandes destaques da noite será a disputa pelo WWE Tag Team Championship, onde,a A-Town Down Under colocará os títulos em jogo contra a #DIY. Veja os demais tópicos anunciados abaixo:

  • Em seu retorno ao SmackDown, a Pretty Deadly enfrentará os Street Profits;
  • Bianca Belair e Jade Cargill medirão forças contra Candice LeRae e Indi Hartwell;

Horários:

  • Brasil – 21h (Horário de Brasília)
  • Portugal – 23h (Horário de Lisboa)

Cobertura:

Cody Rhodes, Randy Orton e Kevin Owens são vistos caminhando nos bastidores. Na arena, Jey Uso faz sua entrada para iniciar o show. Corey Graves e Wade Barrett estão nos comentários. Jey se apresenta ao público e agradece ao Canadá por deixá-lo entrar. Ele pede à multidão para dizer “yeet” se querem que ele seja o próximo Mr. Money in the Bank. LA Knight então interrompe e se dirige ao ringue.

Knight diz que gostou do chamado e resposta de Jey, e que Jey pode ser o favorito. Ele menciona que era o favorito no ano passado e elogia Jey por se libertar da Bloodline. Knight afirma que mostrará respeito a Jey não mostrando respeito algum, e que amanhã à noite ouvirá a multidão dizer “Yeah”. Eles fazem uma disputa de “yeet” vs “yeah” e se encaram.

Carmelo Hayes entra no ringue. Ele diz que odeia ser aquele cara, mas que na verdade ele é aquele cara. Hayes afirma que Toronto não quer ouvir tudo aquilo e pergunta a LA como ele está, pois a última vez que o viu ele estava dentro da loja Prime de Logan Paul. Ele começa a se dirigir a Jey Uso, mas é interrompido por Chad Gable.

Gable entra no ringue e começa a falar sobre viver em seu próprio inferno pessoal nas últimas três semanas, mas é rapidamente interrompido por Andrade. Ele zomba de todos por dizerem que o Money in the Bank era seu sonho, porque sonhos não vencem combates.

Antes que ele pudesse continuar, Drew McIntyre aparece. Ele diz à multidão que CM Punk não está lá, mas sua família está sempre com ele, apontando para sua pulseira. Drew continua e diz que usará da mesma violência que fez com Punk, caso alguém se coloque em seu caminho. Ele então se dirige a todos no ringue.

Ele chama Andrade de “El Idiot” e diz a Chad Gable que sente pena dele. Para LA Knight, ele diz que ouvirá muitos “não” amanhã, e para Carmelo Hayes, Drew diz que ‘ele não é ele’. Finalmente, Drew pergunta a Jey Uso como ele atravessou a fronteira, recebendo algumas vaias.

Andrade ataca Drew e o joga para fora do ringue. Todos trocam socos e brigam por todo o ringside. Drew acaba emtre Jey e Knight antes de ser jogado para fora do ringue. Knight e Jey ficam de pé para encerrar o segmento.

Nos bastidores, Bayley é entrevistada. Ela fala sobre a necessidade de se manter afiada e focada para o Money in the Bank. Chelsea Green se aproxima e diz que seu conselho é inútil porque ela nem seria WWE Women’s Champion se não tivesse sido ilegalmente expulsa de seu combate com Piper Niven. Piper então ataca Bayley por trás, e Chelsea diz que na próxima vez que Piper a derrubar, ela estará logo atrás com a maleta para se tornar a nova Women’s Champion.

Na arena, os Street Profits fazem sua entrada para o primeiro combate.

Bayley fala com Naomi nos bastidores e diz que ela enfrentará Piper mais tarde esta noite. Naomi diz que a apoiará.

Pretty Deadly faz sua entrada.

Tag Team Match: Pretty Deadly (Elton Prince e Kit Wilson) vs. The Street Profits (Angelo Dawkins e Montez Ford c/ B-Fab)
– Ford aplica um “Frog Splash” sobre Wilson, seguido de pinfall.

Após a luta, Austin Theory e Grayson Waller conversam. Theory menciona que refletiu sobre as palavras de Johnny, mas Waller o aconselha a esquecer o que foi dito. Ele questiona quantos títulos Theory ganhou com Johnny e lembra que só quando ele seguiu seu próprio caminho, se tornou WWE United States Champion e venceu John Cena. Waller assegura a Theory que ambos estão alinhados e que precisam focar em manter seus títulos.

Foi confirmada a luta entre Bayley e Piper Niven para mais tarde.

Indi Hartwell e Candice LeRae entram no ringue para a próxima luta.

Depois, assistimos a um vídeo que recapitula o final do SmackDown da semana passada, onde The Bloodline reconhece Solo Sikoa como “Tribal Chief” e ataca Paul Heyman por sua recusa.

Após o vídeo, Jade Cargill e Bianca Belair fazem a sua entrada no ringue.

Tag Team Match: Jade Cargill e Bianca Belair vs. Indi Hartwell e Candice LeRae
– Belair aplica um “KOD” sobre LeRae e Cargill faz o pinfall.

Após a luta, Cargill e Belair pegam o microfone, afirmam que estão de volta na busca pelo WWE Women’s Tag Team Championship e agradecem a Alba Fyre e Isla Dawn por ainda serem as campeãs.

Em seguida, assistimos a um vídeo que destaca a rivalidade entre DIY e A-Town Down Under.

Cody Rhodes, Randy Orton e Kevin Owens serão os próximos a entrar.

Kevin Owens faz sua entrada, seguido por Randy Orton e Cody Rhodes. Rhodes exibe seu logo na parte de trás do colete, algo que parece ser novo. Ele faz seu bordão, comenta sobre todos os eventos da WWE em Toronto nesta semana, dizendo ser uma boa combinação. Rhodes expressa seu cansaço em ouvir Solo Sikoa, afirmando que eles pediram por uma luta e estão prontos para dá-la. Orton espera encerrar a luta com as três letras mais perigosas da WWE: R-K-O.

Owens compartilha a experiência da última semana no hospital com sua mãe, que luta bravamente. Ele conta que normalmente os shows em Toronto são como uma reunião de família, mas desta vez seus pais não puderam estar presentes, pois sua mãe ainda está no hospital. Ele admite que poderia e provavelmente deveria ter ficado em casa, mas a única pessoa que teria um problema com isso seria sua mãe. Ela sempre o incentivou a lutar pelo seu sonho, e ficaria chateada se descobrisse que ele perdeu um show por causa dela.

Ele se dirige a The Bloodline e promete fazer amanhã o que sua mãe queria que ele fizesse há quatro anos: não apenas vencer a The Bloodline, mas dar a maior surra que já levaram. Owens então joga o microfone com força no ringue.

Singles Match: WWE Women’s Champion Bayley c/ Naomi vs. Piper Niven c/ Chelsea Green
– Bayley aplica um “Rose Plant” sobre Niven, seguido de pinfall.

Após a luta, Nia Jax surge, ataca Bayley e acerta um “Leg Drop”. Michin aparece com um bastão para afastar Jax e salvar Bayley.

A luta entre Michin e Nia Jax é anunciada para o SmackDown da próxima semana, juntamente com Corbin e Crews contra Angel e Berto.

WWE Tag Team Championship Match: A-Town Down Under (Austin Theory e Grayson Waller) (c) vs. #DIY (Tommaso Ciampa e Johnny Gargano)
– Johnny aplica um “Gargano Escape” sobre Waller, fazendo-o dar tap-out.

O show termina com os novos campeões comemorando na rampa de entrada.

Fim de show.

ABRIR COMENTÁRIOS