Adam Copeland pede cuidado com o monopólio no Pro Wrestling

Copeland, ex-WWE e atualmente na AEW, destaca a necessidade de múltiplas plataformas de Pro Wrestling para o benefício de atletas e fãs

Adam Copeland pede cuidado com o monopólio no Pro Wrestling

, conhecido por sua extensa carreira na e agora parte da , abordou a questão da diversidade e concorrência no mundo do Pro Wrestling. Em uma entrevista concedida à Sports Illustrated, Copeland refletiu sobre a compra da pela WWE em 2001, evento que transformou drasticamente a indústria, posicionando a WWE como a única grande opção para lutadores aspirantes a uma carreira global. Essa unificação foi amplamente debatida, com muitos argumentando que a falta de competição poderia ser prejudicial para o esporte tanto nos bastidores quanto para o público.

Copeland explicou os perigos de um monopólio no Pro Wrestling, enfatizando que a existência de múltiplos espaços para os atletas exercerem sua profissão é benéfica para todos envolvidos. Ele destacou que, como consumidor, a variedade de escolhas é essencial. “Como consumidor, quero mais opções. Isso não significa que você tenha que escolher um em detrimento do outro. Você pode escolher todos eles,” disse Copeland, relembrando sua própria experiência em busca de conteúdo diversificado de Pro Wrestling na juventude.

Ele relembrou com carinho a época em que procurava fitas da e descobria shows de Pro Wrestling de diferentes regiões, algo que enriqueceu sua paixão pelo esporte. Copeland também enfatizou a contribuição da AEW para a diversidade no Pro Wrestling, aplaudindo a organização por apresentar “um Pro Wrestling diferente” e expressando seu entusiasmo em fazer parte desse movimento.