Carta escrita pelo plantel da TNA contra a demissão de Scott D’Amore não foi unânime

Carta escrita pelo plantel da TNA contra a demissão de Scott D'Amore não foi unânime

Conforme noticiamos anteriormente, o plantel da Total Nonstop Action escreveu uma carta para a Anthem, dona oficial da empresa, contra a demissão de Scott D'Amore, que deixou a presidência nas últimas semanas.

No entanto, de acordo com fontes internacionais, embora muitos integrante dos bastidores e estrelas tenham se mostrado descontentes com a demissão de D'Amore, esta carta escrita não teria sido algo unânime.

Sean Ross Sapp, da Fightful.com, indicou que muitos empregados da deixaram claro que a carta escrita, mostrando indignação com a demissão de D'Amore, não representava a todos.

Scott D'Amore foi despedido após sete anos de TNA

A controladora da empresa, a Anthem Sports and Entertainment, revelou na quarta-feira (07 de fevereiro) que o contrato de Scott D'Amore foi rescindido e Anthony Cicione foi nomeado o novo presidente.

O PWInsider relatou que a crença é que a decisão veio diretamente do presidente e CEO da Anthem, Len Asper.

A segunda passagem de D'Amore pela TNA começou em 2017, quando ele foi trazido de volta à empresa por Jeff Jarrett para atuar como vice-presidente de Relações Internacionais, após ter estado na Global Force Wrestling na mesma função desde 2014.

Em dezembro de 2017, D'Amore e Don Callis foram nomeados -presidentes executivos da empresa. D'Amore foi posteriormente nomeado presidente da IMPACT Wrestling em março de 2023.