Lesão de Eddie Kingston é mais grave do que o esperado

O lutador da AEW, Eddie Kingston, sofreu uma lesão mais grave do que se imaginava.

Segundo o PWInsider.com, Kingston se reuniu com cirurgiões nesta quinta-feira (23) e descobriu que a cirurgia para reparar as rupturas no ligamento cruzado anterior (LCA) e menisco só poderá ser realizada em julho, devido a uma fratura na tíbia.

Kingston precisará passar por fisioterapia e aguardar a recuperação da fratura antes de operar o joelho. A previsão de retorno aos ringues é somente em maio de 2025, cerca de dez meses após a cirurgia.

Apesar do longo período de afastamento, Kingston demonstrou resiliência em suas palavras ao PWInsider: “Não estou bravo. É o que acontece quando você luta. Só preciso melhorar.”

ABRIR COMENTÁRIOS