Nic Nemeth acredita que poderá ir bem na NJPW

Nic Nemeth (ex-Dolph Ziggler) comenta sobre sua aparição na NJPW.

Nic Nemeth fez uma aparição surpresa no NJPW Wrestle Kingdom 18, sentando-se na primeira fila ao lado de seu irmão Ryan Nemeth no meio do show e depois entrando em um confronto com David Finlay após a luta pelo IWGP Global Championship.

Falando na Busted Open Radio, Nemeth foi questionado sobre sua viagem ao Japão e se ele estava pensando em ir para a NJPW.

“Eu estava pensando nisso há muito tempo, indo a lugares diferentes nos últimos anos, focando especialmente em ‘o que eu quero fazer para o próximo passo?’ Isso já faz alguns anos, elaborando um plano. Ouvi tantas coisas diferentes de Ambrose [Jon Moxley] e de diferentes caras dizendo: ‘Você precisa ver como é este vestiário. Você precisa ver, estar aqui’. Eu ficava tipo, ‘Cara, eu me pergunto se… posso me adaptar a isso?’ Sinto que posso me adaptar a qualquer coisa. Posso? Você faz um pouco de lição de casa, fica pensando e diz: ‘Isso seria algo realmente especial’. Eu fiz uma carreira dizendo: ‘Eu não assisto luta livre. Eu odeio isso’. Geralmente era uma piada. Eu simplesmente odiava o que estava fazendo e você não poderia criticar isso em casa. Então eu dizia ‘Eu odeio luta livre’. Mas você tem um momento de, um, eu posso fazer parte de algo especial. Dois, ver isso em um ambiente completamente diferente. Não apenas ir para um estado diferente e lutar, não ir para uma empresa diferente nos Estados Unidos, mas para expandir e dizer: ‘Sinto que posso fazer tudo aqui. Agora vou começar de novo em outros lugares’. Posso começar de baixo ou do meio e me renovar? Quase como uma Twilight Zone onde o cara quer voltar no tempo e dizer: ‘Posso refazer minha fortuna?’ Posso refazer minha carreira em um nível diferente e em uma escala 2.0?”.

“Depois de dizer, ‘Eu não assisto luta livre, estou aposentado’. Depois de ir além e chegar secretamente ao Japão e colocar tudo isso no lugar, apenas chegar lá e entrar no vestiário, e conhecer dois ou três rostos, o que realmente ajudou. Eu estava indo para algum lugar, trouxe meu irmão comigo, e eu não conhecia pessoas aqui. Não sabia se era bem-vindo. Sou um canalha para esses caras? Estou bem? Posso ganhar meu lugar neste vestiário, qual é a situação? Foi tão estranho, mas divertido, porque você vê alguns rostos e sente: ‘Estou meio em casa, ainda não fui aceito, como posso ser aceito, o que posso fazer para provar que quero estar aqui, não por mim mesmo, mas para ajudar, para deixar o show melhor, a companhia melhor, para chamar mais atenção’. Você realmente começa a pensar que pode. Tive que observar atentamente o card inteiro e, ao assisti-lo pessoalmente, pensei: ‘Ok, isso é diferente, isso é especial. Posso fazer algo com esse cara. Posso ver esse aspecto de eu vindo aqui e fazendo isso acontecer’. Como fui uma surpresa, não tive a chance de andar pela arena. Fiquei escondido nos fundos. Quando meu irmão e eu saímos, pensei: ‘Oh meu Deus, isso não é apenas outro nível, isso é grande, isso é enorme’, e senti pequenos arrepios na nuca e disse, ‘isso pode ser algo tão especial. Vou fazer o que puder para que isso aconteça’.

Nemeth fará sua estreia na NJPW no NJPW New Beginning em Sapporo contra David Finlay.

ABRIR COMENTÁRIOS