Nikki Bella descartou trabalhar na AEW pelo filho

nikki bella

Nikki Bella, conhecida agora como Nikki Garcia, ex-Divas Champion na WWE, refletiu sobre a possibilidade de se juntar à AEW no início deste ano. Apesar de ter se aposentado em 2019 devido a lesões no pescoço, o que encurtou sua carreira, e de ter feito aparições esporádicas no Royal Rumble desde então, ela considerou seriamente retornar ao ringue e assinar com a AEW.

Durante o programa “Nikki & Brie Show” (conforme citado pelo Fightful), Nikki revelou que quase voltou ao Pro-Wrestling após assistir à estreia de Mercedes Moné na AEW. Ela admitiu que quase entrou em contato com Tony Khan para se juntar à AEW após assistir à estreia. No entanto, optou por não fazê-lo, decidindo continuar desempenhando um papel maior na criação de seu filho.

“Desde que começamos a treinar pesado, sempre falamos, sempre começamos a ter aquela mentalidade de luta, ‘Vamos voltar e fazer essa história e cortar essa promo.’ Você entende, mas eu fiquei tão séria a ponto de pensar, ‘Ok, acho que posso fazer talvez um ano na AEW e fazer isso toda semana.’ Quando vi Mercedes [Moné] estrear e cortar sua promo, aquela linha ficou comigo, ‘Aqui, vamos tornar a evolução mundial. E eu pensei, ‘Eles fazem.’ Isso se estende a muitas ligas, é o que ela quis dizer, não precisa ser em um só lugar. Pode ser em todos esses lugares onde todas essas mulheres estão lutando. Eu disse, ‘Brie, acho que posso fazer isso por um ano. Eu posso fazer daqui para lá e ir toda semana.’. Então, eu pensei no Matteo. Tive uma boa semana pensando, ‘É isso. Vou ligar para Tony Khan. Sou sua garota. Eu me comprometo.’ Mas então, eu pensei, ‘Não posso fazer isso com meu filho agora. Ele precisa de mim.'”