Seria injusto dar o WWE Intercontinental Championship para Chad Gable?

Sami Zayn foi o homem escolhido para quebrar o incrível recorde de Gunther, com o WWE Intercontinental Championship, encerrando um reinado de quase 700 dias em plena WrestleMania 40, talvez a maior da história.

Quando observo este acontecimento, não sei distinguir se Zayn de fato foi o escolhido para escrever este novo capítulo na história do pro-wrestling, ou se ele estava no local certo e na hora certa, visto que a WWE claramente quer fazer de Gunther um World Champion, ou seja, era necessário fazê-lo perder o seu título secundário, mesmo que o cinturão tenha ganhado um imenso destaque sobre os seus ombros.

Pois bem, independente dessas duas situações hipotéticas, Zayn é o atual campeão e vai defender o título contra Bronson Reed e Chad Gable no WWE King & Queen of the Ring, no próximo sábado. Zayn é o top babyface da luta, sendo altamente apoiado pelo público, enquanto Gable aparece com o melhor personagem e Reed surge como um competidor a parte, que pode surpreender ao se aproveitar da grande rivalidade que envolve seus dois oponentes.

Embora o título combine muito com Zayn e ele venha fazendo um grande trabalho como campeão, tenho que confessar que nunca vi Gable com um personagem tão engajado quanto o atual. O fato de Gable se mostrar superior a todos, incluindo os seus próprios parceiros de Alpha Academy, indica o tão grandioso o seu personagem está. Se muitos acreditam em uma reviravolta, com os membros da stable se voltando contra ele, eu penso completamente o oposto, com todos se tornando heels e aderindo a sua canalhice.

Enxergando tudo isso, acredito que não seria um erro dar um reinado para Gable com o WWE Intercontinental Championship, pois, diferente de um World Championship, o título não precisa de um campeão com o personagem completamente pronto, como é o caso de Gable, mas sim de lutadores que estejam bem encaminhados e num grande momento, independente do futuro.

Zayn já teve grandes momentos, enquando Reed ainda sequer esteja bem encaminhado, ou seja, seria uma grande e correta decisão caso a empresa comandada criativamente por Triple H entregue a Gable o título mais antigo do entretenimento esportivo.

ABRIR COMENTÁRIOS