TNA em busca de um local fixo para gravar seus shows semanais

A Total Nonstop Action Wrestling (TNA) está em um período de transformação estrutural. Após revitalizar suas origens com o pay-per-view Hard to Kill em janeiro, a empresa agora busca uma nova sede permanente para suas transmissões televisivas semanais, visando estabilizar custos e melhorar a previsibilidade operacional.

Recentemente, as saídas de executivos como Lou D’Angeli levantou questões sobre a estabilidade da TNA. Mike Johnson, do PWInsider, informa que as saídas são parte de uma reestruturação que inclui medidas de redução de custos. Ele enfatiza que essas mudanças não indicam uma crise iminente, mas sim um ajuste estratégico para enfrentar desafios futuros.

“A busca por uma nova sede onde possam produzir seus programas, talvez até ao vivo semanalmente, é um passo crucial. Assim que conseguirem estabelecer-se, os custos deverão se tornar mais previsíveis, com valores fixos por semana ou por gravação“, explica Johnson.

Sob a administração da Anthem, empresa proprietária da TNA, não houve relatos de atrasos nos pagamentos ou reduções nas compensações prometidas aos talentos, um avanço positivo em comparação com gestões anteriores.

Além disso, a TNA está implementando mudanças significativas no formato de seu programa televisivo semanal. As alterações têm como objetivo aprimorar a qualidade e a consistência das produções, potencializando um período de estabilidade e crescimento contínuo para a empresa no cenário do Pro-Wrestling.

ABRIR COMENTÁRIOS