William Regal poderá ter papel na TV no WWE NXT

Após uma curta passagem pela AEW, William Regal voltou à WWE com o objetivo de acompanhar de perto o desenvolvimento de seu filho, Charlie Dempsey, na sua carreira. Com o término de sua cláusula de não-competição com a Endeavor, Regal fez duas aparições no NXT, destacando-se por sua presença marcante em momentos decisivos.

A mais recente aparição ocorreu durante o NXT Roadblock, onde Regal interveio em um segmento do No Quarter Catch Crew logo após Dempsey conquistar o Heritage Cup Championship. Regal confrontou os membros do grupo — Drew Gulak, Myles Borne, Damon Kemp e Dempsey —, alertando-os sobre a importância de defender o título com honra e integridade.

A saída de Gulak do grupo sinalizou uma possível perda de direção criativa para o time, que parece estar em busca de uma nova estrutura. Essa necessidade foi expressa por Dempsey em um recente segmento no show, indicando potenciais mudanças na organização do grupo. Segundo informações do portal Fightful, a WWE considera a possibilidade de integrar Regal de forma recorrente como mentor do No Quarter Catch Crew, embora ainda não esteja claro como essa inclusão afetaria a dinâmica do grupo.

Regal, que atuou como General Manager do NXT de julho de 2014 até janeiro de 2022, deixou a WWE e juntou-se à AEW, onde formou o popular Blackpool Combat Club. Contudo, em dezembro de 2022, solicitou sua liberação da AEW para retornar à WWE, visando dedicar-se ao treinamento de seu filho. Desde então, Regal ocupa o cargo de Vice-Presidente de Desenvolvimento de Talento Global na WWE, trabalhando principalmente nos bastidores.

ABRIR COMENTÁRIOS