Adam Cole crê que separar a Undisputed Era foi a escolha certa

The Undisputed Era fez sua estreia no NXT em 2017 e, desde então, eles se consolidaram como uma das facções mais dominantes na história do negócio do wrestling profissional.

Adam Cole, Kyle O’Reilly, Bobby Fish e Roderick Strong formaram a facção que definiu os últimos anos no NXT. Infelizmente, a facção se separaria no início de 2021 depois que Adam Cole traiu o grupo.

Ao falar com talkSPORT, Adam Cole compartilhou seus pensamentos sobre o fim da Undisputed Era depois de anos juntos. De acordo com Adam Cole, a divisão da Undisputed Era foi a escolha certa, pois ajudou a desenvolver todos os quatro Superstars do NXT como indivíduos.

“Eram emoções conflitantes. Eu tinha estado, literalmente, preso ao quadril de Kyle, Bobby e Roddy durante toda a minha jornada no NXT. No momento em que estreei, estava ao lado de Kyle e Bobby. Tudo o que eu sabia sobre meu tempo no NXT era Undisputed Era. Seguir em uma direção diferente era assustador. Além disso, aconteceu tão rápido. Não foi para isso que estávamos nos preparando, foi algo que caiu em nosso colo. Tivemos muito pouco tempo para processar ou pensar sobre isso, mas olhando para isso agora, eu absolutamente acho que foi a decisão certa.”

“Nunca vai parecer – especialmente quando você tem a química que tínhamos – nunca vai parecer o momento perfeito. No entanto, acho que em termos de desenvolvimento para todos nós individualmente, tem sido muito, muito importante. Eu tive o melhor momento da minha vida na Undisputed Era – realmente, realmente tive – mas acho que foi uma boa decisão.”

Desde a separação, Adam Cole e Kyle O’Reilly foram aprimorados em uma rivalidade amarga que alcançará o próximo nível, já que eles se enfrentarão no NXT Great American Bash em 6 de julho. Teremos que ver quem sai por cima na luta.

ABRIR COMENTÁRIOS