Lenda da WWE retornará para desafiar Roman Reigns?

Lenda da WWE retornará para desafiar Roman Reigns?

está ausentes da programação da desde sua última aparição no em 11 de agosto de 2023, quando anunciou sua saída da WWE. Além disso, o Tribal Chief não está sendo anunciado para nenhum premium live event futuro, sinalizando uma possível ausência nos próximos meses.

Enquanto Jey Uso está envolvido em uma rivalidade com , há especulações de que possa retornar à empresa para desafiar o atual Undisputed WWE Universal Champion.

Essa especulação ganhou força após um comentário feito recentemente por Goldberg na conta oficial da WWE no Instagram. A postagem perguntava aos fãs quem eles achavam que tinha o melhor finalizador Spear. Goldberg, também conhecido pelo seu Spear, deixou um comentário afirmando “eu”, sugerindo que ele reivindica ter a execução mais impactante desse movimento.

Isso levou os fãs a especularem que o membro do pode ter mais uma luta reservada na empresa sediada em Stamford.

Outra razão convincente para o possível retorno de Goldberg ao ringue poderia ser que ele está contemplando sua última luta em sua carreira lendária. Aumentando ainda mais a intriga, Roman Reigns e Goldberg compartilham uma história significativa, sendo que o primeiro derrotou o membro do Hall of Fame na de 2022, que ocorreu na Arábia Saudita.

À medida que a WWE se aproxima de outro evento na Arábia Saudita, a probabilidade do retorno de Goldberg se fortalece. Esses shows frequentemente dão prioridade a apresentações de astros lendários, tornando o retorno do membro do Hall of Fame da WWE totalmente plausível.

Além disso, o fato de o Tribal Chief, Roman Reigns, ter participado anteriormente na Arábia Saudita aumenta as chances de sua participação no evento deste ano. Se Roman Reigns está destinado a defender seu título no próximo show na Arábia Saudita, faz sentido que a empresa busque uma superstar lendário para desafiá-lo.

Dado que Reigns já enfrentou várias vezes, Goldberg se destaca como uma opção viável para o evento na Arábia Saudita deste ano.

Via Sportskeeda