WWE RAW (24/04/2023) – Cobertura e resultados!

bad bunny e damian priest

Na noite desta segunda-feira, a WWE e a USA Network realizarão mais um episódio do Monday Night RAW, diretamente da Allstate Arena em Chicago, Illinois.

O destaque da noite será o retorno de após o ataque que sofreu nas mãos do Judgment Day. E falando em Judgment Day, Damian Priest, integrante do grupo, colidirá com Rey Mysterio, da Latino World Order.

Veja tudo isso e muito mais, hoje, a partir das 21h, na cobertura em do Wrestling Notícias.

Cobertura:

O show desta semana, em Chicago, Illinois, começa com a música de Cody Rhodes sendo tocada. O “American Nightmare” vem ao ringue debaixo de muitos aplausos.

Rhodes cumprimenta o público e pergunta sobre o que querem falar. Rhodes diz que poderiam falar sobre o WWE Draft, onde, dependendo do destino, ele pode continuar aqui, no RAW, ou ir parar no . Rhodes diz que também pode falar sobre seu oponente no , Brock Lesnar, um homem condecorado e cheio de conquistas. Rhodes diz que acha isso irônico, ois um homem deste porte não precisava ter lhe atacado pelas costas. Rhodes mostra imagens do ataque de Lesnar há três semanas atrás.

Rhodes diz que foi uma das surras mais humilhantes que ele levou na vida, e pensando nisso, quer mostrar uma outra coisa. Rhodes tira a sua camisa social e mostra uma cicatriz, afirmando que esta é a primeira vez que ele volta a Allstate Arena, após um ano depois, no , sofreu uma dura lesão no peito. Rhodes diz que até hoje não teve coragem de ver o replay daquela luta contra .

Rhodes diz que se Lesnar está vendo isso em casa, e ele tem certeza que está, é para ele observar bem essa cicatriz, pois assim como batalhou bravamente contra Rollins, ele fará com o “Beast”. Rhodes diz que essa não é uma história heróica, mas não pode esquecer daquele dia em Chicago, com todos o apoiando e o carregando, para uma das maiores vitórias de sua carreira. Rhodes agradece ao público de Chicago. Toca a música de Finn Bálor.

Bálor diz que não queria incomodar a pequena festa de Rhodes, mas diz que todos tem cicatrizes. Bálor, no entanto, diz que não quer falar sobre isso. Bálor diz que viu como Rhodes foi trapaceado pela The Bloodline na WrestleMania 39, o entendendo completamente. Bálor diz que Rhodes foi trapaceado porque não tinha ninguém com ele, o ajudando. Bálor diz que Rhodes foi buscar a ajuda de Lesnar, porém, ele o traiu. Bálor diz que Rhodes fez o errado, quando deveria ter quem o ajudasse, como ele. Rhodes o interrompe e diz que apesar de respeitá-lo, qualquer oferta que ele fizer, ele não aceita. Bálor diz que Rhodes não pode vencer esta luta, mas se tivesse junto do Judgment Day seria imparável.

Bálor fala sobre o fato de Rhea Ripley ser a SmackDown Women's Champion, Damian Priest ser imparável, arrebentando Bad Bunny na mesa de comentaristas há algumas semanas atrás, e Dominik Mysterio provando que é melhor que o trouxa do seu pai. Bálor diz que Rhodes deve escutá-lo, pois ao contrário da WrestleMania 39, ele pode ter o Judgment Day ao seu lado no Backstage.

Rhodes diz que não quer puxar briga e não quer confusão, e apesar de apreciar a oferta, não irá se juntar ao Judgment Day. Bálor sobe ao ringue e diz que é uma pena, pois ou você está junto do Judgment Day ou contra o grupo. Bálor diz que pode facilmente arrebentar o cabelo oxigenado de Rhodes. Rhodes sorri e diz que há algumas horas atrás foi liberado pelos médicos da WWE a competir, por isso, não há mensagem melhor para se dar a Lesnar do que um combate nesta noite, contra Bálor. Toca a música de Rhodes e Bálor abandona o ringue irritado.

Na mesa de comentaristas, Kevin Patrick e Corey Graves nos dão as boas vindas. É anunciado que ainda hoje teremos o retorno de Bad Bunny, Damian Priest enfrentando Rey Mysterio, e um grande anúncio de .

Toca a música dos The Usos, e eles vem ao ringue junto de Solo Sikoa. A seguir a The Bloodline enfrentará a Latino World Order.

Comerciais…

6-Man Tag Team Match: Latino World Order (Santos Escobar, Cruz Del Toro e Joaquin Wilde) vs. The Bloodline (Jey, Jimmy e Solo Sikoa)
– The Usos aplicam um “1D” em Toro, seguido de pinfall.

Após a luta, Jey Uso pega o microfone e diz que os campeões de maiore reinado da história das duplas estão aqui. Jey diz que eles fracassaram para a The Bloodline, porém, na sexta-feira, no Friday Night SmackDown, eles recuperarão seus títulos, dedicando a vitória ao seu “Tribal Chief” Roman Reigns.

Nos bastidores, entrevista a RAW Women's Champion, Bianca Belair, a questionando sobre a luta pelo título, no Backlash, contra IYO SKY. Belair diz que acha SKY uma grande competidora, por isso precisa estar preparada. Bayley aparece junto de e SKY, dizendo que Belair já perdeu este título para o Damage CTRL. Belair diz que ela tem este título por mais de 300 dias e desta vez a sua concentração não será diferente. Bayley diz que Belair até pode gostar de competir, mas ela perderá da mesma forma. SKY começa a gritar em japonês. Belair diz que caso SKY queira enfrentá-la nesta noite, seu desafio está aceito. Bayley interrompe e diz que o Damage CTRL irá enfrentá-la junto de outras duas idiotas a sua escolha. SKY claramente não gosta da interupção de Bayley. Belair aceita o desafio.

Ainda hoje acontecerá o retorno de Bad Bunny.

Comerciais…

Na volta, Jey Uso está falando no celular sobre a vitória de agora há pouco. aparece. Jey pergunta o que ele quer. Zayn diz que não acredita que Jey dedicou a luta da próxima sexta-feira a Roman Reigns, pois esta será a última chance dele e de Jimmy conquistarem os títulos e não farão isso por eles próprios, mas por Reigns. Zayn diz que tem algo ruim a contar. Zayn diz que ele e Kevin Owens não perderão os títulos e agora que colocaram o nome de Reigns na luta, a reação não será boa. Zayn diz que Jey não merece isso e se sente mal por ele. Jey diz que Zayn fez a sua escolha e ele fez a dele. Jey diz que Zayn não deve procurá-lo mais.

Vemos agora o que Trish Stratus disse na semana passada, justificando o seu ataque a Becky Lynch, há duas semanas atrás, afirmando que ela é a maior mulher da história da WWE.

Nos bastidores, Trish Stratus é questinada sobre Becky Lynch ainda não ter retornado a WWE. Stratus diz que Lynch está sentindo a pressão de ser mãe e ser uma lutadora ao mesmo tempo, por isso, a atacou, lhe dando umas férias. Stratus diz que ela também é mãe e luadora, mas Lynch não suporta isso. Stratus diz que Lynch deveria lhe agradecer por estar fora de ação.

Toca a música dos Street Profits, e Angelo Dawkins e Montez Ford fazem suas entradas ao ringue. A seguir eles enfrentarão e Shelton Benjamin.

Comerciais…

Tag Team Match: The Street Profits (Angelo Dawkins e Montez Ford) vs. Cedric Alexander e Shelton Benjamin
– Ford aplica um “Frog Splash” em Alexander, seguido de pinfall.

É anunciado que a seguir Triple H fará um grande anúncio ao WWE Universe.

Comerciais…

Na volta, toca a música de Triple H, e o Diretor Criativo da WWE faz a sua entrada na arena em Chicago. No ringue, temos uma mesa com algo sendo coberto por uma manta. “Hunter” pega o microfone e diz que como WWE Superstar teve o privilégio de competir no mais alto nível possível. “Hunter” lembra que disputou o WWE Championship, na WrestleMania 22, aqui em Chicago, enfrentando .

Triple H diz que está aqui hoje para falar que a WWE continuará neste nível por longas gerações, por isso, precisa citar Roman Reigns, que está muito perto de atingir mais de mil dias como campeão. Triple H diz que Reigns derrotou todos os oponentes possíveis e dentro dos trinta anos que competiu, jamais viu algo parecido com isso. Triple H diz que nestes mil dias, Reigns fez algo inteligente, que ele também faria se tivesse a chance, onde, não precisa defender seus títulos com tanta frequência em seu novo contrato.

Triple H diz que se isso é bom para Reigns, não é bom para a WWE, pois os fãs precisam de mais. Triple H diz que por isso resolveu fazer o Draft, mudando a história por completo. Triple H diz que quando Roman Reigns for escolhido no Draft, ele levará os títulos para um programa, porém, no outro show, um novo campeão será coroado. Triple H anuncia que acontecerá um torneio, que terá a sua final no Night of Champions, coroando o novo World Heavyweight Champion.

Triple H diz que este campeão defenderá este título em qualquer lugar, em qualquer parte do mundo. Triple H diz que quem for o dono do World Heavyweight Championship, será reconhecido mundialmente.

Vemos agora um vídeo sobre algumas semanas atrás, quando após uma confusão com o Judgment Day, Bad Bunny foi destruído por Damian Priest, sendo partido na mesa de comentaristas.

Nos bastidores, Cathy Kelley se aproxima do Judgment Day. Priest pede para Bálor ir se preparar para a luta de hoje mais tarde. Priest fala sobre o ataque sobre Bad Bunny, dizendo que ele é um grande astro da música, batendo grandes recordes, mas, caso ele se meter novamente em seus negócios, novas atitudes serão tomadas. Dominik Mysterio diz que todos devem chutar Bunny, assim como seu pai. Priest diz que fará isso com Rey novamente.

Toca a música do Damage CTRL, com Bayley, IYO SKY e Dakota Kai fazendo suas entradas. A seguir elas enfrentarão Bianca Belair e duas oponentes surpresas.

Comerciais…

Nos bastidores, Jimmy Uso está falando para Solo Sikoa e Jey Uso que eles irão destruir Kevin Owens e Sami Zayn na sexta-feira, recuperando os títulos. Jimmy diz que Jey parece distraído. Jey questiona o que acontecerá caso eles percam a luta. Jimmy questiona quem lhe disse isso. Jey diz que foi Zayn. Jimmy se exalta e diz que Jey precisa parar de falar com Zayn, pois ele é um traidor. Sikoa contêm Jimmy. Jimmy diz que Jey precisa estar focado. Jey volta a perguntar o que acontece caso eles percam a luta. Jimmy diz que eles não irão perder e recuperarão os títulos pela honra de Roman Reigns.

De volta a ringside, a RAW Women's Champion, Bianca Belair, faz a sua entrada. Suas parceiras surpresas serão as WWE Women's Tag Team Champions, e Raquel Rodriguez.

6-Woman Tag Team Match: WWE Women's Tag Team Champions Liv Morgan e Raquel Rodriguez, e RAW Women's Champion Bianca Belair vs. Damage CTRL (Bayley, IYO SKY e Dakota Kai)
– Belair aplica um “KOD” em Bayley, seguido de pinfall.

Vemos agora o que aconteceu na semana passada, quando Bronson Reed atacou Bobby Lashley em seu combate contra .

Toca a música de Austin Theory, e o WWE United States Champion vem ao ringue. Lembrando que ele defenderá o título contra Bronson Reed e Bobby Lashley no Backlash. Ele falará com o WWE Universe a seguir.

Comerciais…

De volta, Austin Theory está no ringue. Com o microfone em mãos, ele deseja boas vindas a todos ao Austin Theory Live, uma experiência que todos querem fazer parte. Theory diz que nomes como Bronson Reed e Bobby Lashley querem fazer parte desta experiência. Theory diz que ele é o maior WWE United States Champion da história, mas pensando mais a frente, ele fala sobre o World Heavyweight Championship, apresentado por Triple H agora há pouco. Theory diz que este título precisa estar na sua cintura. Theory diz que como Triple H disse, esse título precisa ser conquistado e ele pode fazer isso.

Theory diz que ao invés disso ele está ganhando um combate triplo no Backlash. Theory diz ao público, que grita “You Suck”, que ele derrotou John Cena na WrestleMania 39. Theory continuaria falando, porém, toca a música de Bobby Lashley.

Lashley pega um microfone e sobe ao ringue. Lashley chama Theory de garoto e diz que não tem nenhum problema com ele, mas sim com seu título sobre seus ombros. Lashley diz que Theory se acha o maior WWE United States Champion da história, mas ao invés de aceitar desafios, tem fugido de todos que o desafiam. Lashley diz que Theory é um cara duro, pois já esteve com ele no ringue, mas se esquece que é um jovem, com fome e ambição. Lashley pergunta qual o problema de Theory, pois parece ter medo de defender seu título, como ele fez. Lashley diz que pediu um combate triplo no Backlash e conseguiu.

Theory questiona que se Lashley é tão bom, porque não teve uma luta na WrestleMania. Lashley diz que arrancará todos os dentes de Theory. Uma grande briga começa, com Theory e Lashley indo para fora do ringue. Lashley atira Theory na barricada e começa a levar vantagem na luta, porém, aparece Bronson Reed. Lashley começa a brigar com Reed, porém, Theory começa a atacá-lo também. Theory prende Lashley no corner e Reed o esmaga. Dentro do ringue, Theory aplica um “A-Town Down” em Lashley. Reed derruba Theory com um “Clothesline”. Em seguida Reed aplica um “Running Senton” seguido de um “Tsunami”. Reed ergue o WWE United States Championship.

Nos bastidores, Chad Gable tenta explicar a e Elias as regras do WWE Draft, até que chega , e ele diz que espera continuar ao lado do seu cara número um. Maxxine Dupri aparece e diz que Otis é o seu cara número um. Mustafa Ali chega e comea a zombar de Gable. Otis diz que a seguir Gable dará uma lição em Ali, que sai sorridente, dizendo que isso não acontecerá.

De volta a ringside, toca a música de Chad Gable, e ele faz a sua entrada junto de Otis. A seguir ele enfrentará Mustafa Ali.

Comerciais…

Singles Match: Chad Gable c/ Otis e Maxxine Dupri vs. Mustafa Ali
– Ali faz o “Small Packpage” em Gable, vencendo a luta.

Nos bastidores, Jimmy Uso vai tirar satisfações com Sami Zayn, por ele estar colocando coisas na cabeça de Jey. Zayn diz que é a mais pura verdade o que ele disse, e questiona o que acontecerá se eles perderem a luta na sexta-feira. Jimmy devolve a pergunta, falando o que acontecerá caso Zayn perca a luta. Jimmy diz que Kevin Owens o atacará, como em outras vezes, pois somente lhe usou para se tornar campeão. Jimmy diz que Owens ainda não esqueceu como Zayn o maltratou meses atrás. Jimmy diz que por isso é melhor Zayn se preocupar com ele próprio e não com Jey Uso.

Toca a música de Finn Bálor, e o integrante do Judgment Day vem ao ringue. A seguir ele enfrentará Cody Rhodes.

Comerciais…

Singles Match: Cody Rhodes vs. Finn Bálor
– Cody aplica um “Cross Rhodes” em Bálor, seguido de pinfall.

Vemos novamente o que aconteceu três semanas atrás, com Damian Priest destruindo Bad Bunny na mesa de comentaristas. Ainda hoje Priest enfrentará Rey Mysterio.

Toca a música de Seth Rollins, e o “Visionary” faz a sua entrada. O público de Chicago canta a sua música de forma uníssona. Rollins estará em ação a seguir.

Comerciais…

Na volta do intervalo o público segue cantando a música de Rollins. Rollins diz que não quer atrapalhar Chicago, mas deseja a todos as boas vindas ao Monday Night Rollins. Ele diz que é o visionário, o revolucionário, resumindo, ele é Seth “Freakin” Rollins. Rollins questiona a todos sobre o seu combate contra no Backlash, mas, todos podem acreditar, que algo maior tem chamado a sua atenção. Rollins olha para o novo World Heavyweight Championship. O público grita “você merece”. Rollins questiona se o público o apoia somente por ele torcer pelo Chicago Bears.

https://twitter.com/WWE/status/1650687333665054721

Rollins desce do ringue e fala sobre o que Triple H disse mais cedo, sobre a lista de derrotados por Roman Reigns. Rollins diz que ele não faz parte desta lista, mas entende que muitos querem o que Reigns tem. Rollins diz que outros, como ele, quer lutar e ter igualdade nas oportunidades, e este novo título trará isso. Rollins disse que todos merecem ter chances iguais, sem ter apoio de atos políticos nso bastidores. Rollins diz a Chicago que tem uma aposta para este novo campeão. Toca a música de Omos, e ele vem ao ringue com .

MVP diz a Rollins que ele e Omos não querem interrompê-lo, pois o respeita muito. MVP diz que Rollins é um dos lutadores mais impressionantes que pisaram num ringue da WWE, afirmando que Rollins conseguiu tudo o que queria, pois é incrível no ringue. MVP diz que o senso de moda de Rollins não é o mesmo, zombando da sua roupa. MVP diz que por isso conseguiu este combate para Omos no Backlash, pois ele precisa de lutas grandes. MVP diz que Rollins não deveria prever o seu futuro quando ele terá Omos pela frente.

Rollins pega o microfone e o público começa a gritar sua música novamente. Rollins agradece MVP pelas palavras e diz que Omos realmente é o lutador mais alto que ele já viu na vida. Rollins cita também a sua força, talvez a maior da WWE atualmente. Rollins diz que Omos é algo único na sua espécie, pois nasceu assim. Rollins diz que ele também é único, pois trabalhou muito para ter seu status. Rollins grita que deveria estar com medo, mas não está. Rollins diz que dará a Omos a melhor luta da sua vida, e no Backlash fará o que sempre faz, ou seja, chutar o seu traseito e fazê-lo sonhar desacordado por três segundos. Rollins diz que após isso as pessoas cantarão novamente a sua música. Toca a música de Rollins e ele deixa o ringue.

A seguir será realizada a luta entre Damian Priest e Rey Mysterio.

Comerciais…

Na volta vemos um vídeo fa fundação Make-A-Wish, que tem total apoio da WWE.

https://twitter.com/WWE/status/1650690355707228162

Nos bastidores, Matt Riddle está falando com Kevin Owens, até que Sami Zayn aparece. Owens, irritado, questiona onde Zayn estava. Zayn diz que procurou Jey Uso e acabou falando com Jimmy Uso também. Owens se irrita e questiona o motivo de Zayn ainda estar falando com The Usos. Owens diz que ninguém se importa com que Roman Reigns fará com eles após sexta-feira. Owens diz que eles merecem ser atacados por Reigns. Owens diz que também gostava de Jey e Jimmy, mas eles fizeram a escolha errada. Owens diz que sua preocupação é manter a posse dos seus títulos e deveria ser a de Zayn também. Owens sai irritado. Riddle diz para Zayn relaxar, pois assim como nas épocas da RK-Bro com Randy Orton, tudo pode parecer difícil por agora, mas no fim, tudo dará certo.

Na mesa de comnentaristas, Kevin Patrick e Corey Graves nos mostram o parcial do WWE Backlash.

Vemos um vídeo de Bad Bunny, nas suas redes sociais, com ele chegando a Allstate Arena. Toca a música de Rey Mysterio, e o WWE Hall of Famer vem ao ringue. A seguir ele enfrentará Damian Priest.

Comerciais…

Singles Match: Rey Mysterio vs. Damian Priest
– Mysterio vence via DQ após Priest acertá-lo com uma cadeira.

Após a decisão do árbitro, Priest pega Mysterio e aplica um “South of Heaven”. Priest desde do ringue e prepara a mesa dos comentaristas para partir Mysterio nela, porém, toca a música de Bad Bunny, que aparece com um kendo stick em mãos.

Bunny entra no ringue e após encarar Priest por alguns segundos, lhe acerta vários golpes com o kendo stick. Priest vai para fora do ringue, porém, continua sendo atacado por Bunny. Priest tenta segurar Bunny pelo pescoço, porém, leva mais golpes com o bastão, Priest foge rumo a rampa de entrada. Bunny pea o microfone e diz a Priest que ele não será bem recebido em Porto Rico, no Backlash, pois além de Special Guest Host, ele também terá uma luta. Bunny anuncia que se Priest for homem, lhe enfrentrá em uma Street Fight Match. Toca a música de Bunny, encerrando o show desta semana.

Fim de show.