Talentos da WWE insatisfeitos com recentes demissões

Após a fusão entre a WWE e a UFC na semana passada, a WWE iniciou uma série de demissões de seus talentos. Essa decisão gerou frustração entre os membros remanescentes do elenco, principalmente considerando a proximidade dessas demissões ao anúncio da WWE de um novo contrato de $1,4 bilhões com a NBCUniversal. Este acordo marcará o retorno do SmackDown para a USA a partir de 2024.

Entre os demitidos estão Riddick Moss, Aaliyah, Top Dolla do Hit Row, Elias, Mustafa Ali, Emma, Rick Boogs, Shelton Benjamin e Dolph Ziggler. Há expectativas de mais cortes no NXT ainda hoje.

Fontes indicam que o momento dessas demissões, próximo ao anúncio da NBCUniversal e ao anúncio do show no estádio do Elimination Chamber, pode ter sido uma jogada estratégica da WWE para minimizar o impacto negativo na empresa. Alguns talentos acreditavam que a era das demissões em massa havia terminado, tornando essas demissões ainda mais inesperadas.

Sean Ross Sapp, da Fightful, confirmou que a maioria dos talentos demitidos estão sob a cláusula padrão de não competição de 90 dias.

ABRIR COMENTÁRIOS