Darby Allin revela detalhes de seu retorno à AEW

Darby Allin revelou como aconteceu seu surpreendente retorno a AEW, enquanto se prepara para a Anarchy in the Arena no Double Or Nothing.

Darby Allin surpreendeu a todos ao retornar a AEW em seu estado natal, Washington, substituindo Eddie Kingston na Anarchy in the Arena no Double Or Nothing. Allin se juntará a FTR e Bryan Danielson como parte do Team AEW para tentar acabar com o reinado de terror da The Elite na empresa.

Depois de sofrer uma lesão no pé que acabou com suas esperanças de escalar o Monte Everest e um nariz quebrado após ser atropelado por um ônibus, muitos ficaram surpresos ao ver Darby Allin pronto para voltar aos ringues tão cedo.

Em entrevista ao WrestleZone, Allin revelou que foi ele quem procurou Tony Khan para participar da Anarchy in the Arena após saber da lesão de Eddie Kingston enquanto estava de férias com seus pais:

“Eu estava em uma viagem de carro pelo país com minha mãe e meu pai. Começamos em Seattle e estávamos atravessando o país porque eu realmente fiz meu pai se aposentar com o dinheiro que ganho no AEW. Então, estamos fazendo uma viagem pelo país, estou me mudando para a Geórgia e estamos em Montana, que fica a cerca de 12 horas de Seattle.

Então, descobri que Eddie Kingston não poderia lutar no Anarchy in the Arena por causa de uma lesão no New Japan. E então, instantaneamente, eu parei e pensei: preciso entrar em contato com Tony Khan para ver se há a possibilidade de eu participar desta luta.

Disse que faria qualquer coisa para ver se conseguiria liberação médica. Naquele momento, comecei a dirigir de volta para Seattle porque o Dynamite estava acontecendo em Seattle naquela quarta-feira. Então, faço uma viagem de 12 horas para Seattle, tão cansado, tentando conseguir liberação médica enquanto dirigia. E literalmente, estou com uma bota ortopédica, uma bota para caminhada, enquanto dirijo. E tirar a bota ortopédica assim que cheguei ao prédio foi a primeira vez que tirei a bota desde a lesão.

Coloquei meu pé no sapato pela primeira vez e foi tipo, uau, vamos ver o que acontece. Literalmente, consegui a liberação médica pouco antes do Dynamite. Não sabia como tudo ia se sentir porque não estou 100%, só porque estou liberado não significa que me sinto bem. Meu pé ainda está inchado, meu nariz ainda está doendo.

Por um tempo, me disseram que meu nariz era como gelatina. Se você tocar nele de forma estranha, ele simplesmente vai explodir. Então, enquanto dirigia 12 horas de Montana de volta para Seattle, o tempo todo, pensava: cara, o que você está fazendo? Por quê? Apenas aproveite seu tempo de folga, termine essa viagem com sua mãe e seu pai, apenas aproveite tudo. E eu não conseguia, sentia que precisava estar lá. É um sentimento assustador porque Anarchy in the Arena também não é brincadeira e eu nunca estive em uma dessas lutas misturadas, e nem treinei.”

Darby Allin foi banido do prédio no Dynamite desta quarta-feira pelos Young Bucks. No entanto, Allin apareceu com Tony Khan para expulsar a The Elite do ringue.

ABRIR COMENTÁRIOS